A FAPEU
NOTÍCIAS
Publicado em 22/07/2023 à 12:07:59
Por: Assessoria de Comunicação
Escola da UFSC ensina a cozinhar com ciência
Projeto iniciado com dicas e orientações no Instagram transformou-se em cursos ministrados pelo Departamento de Nutrição

Das redes sociais para a vida real, uma equipe do Departamento de Nutrição da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) vem buscando incentivar a necessidade da autonomia culinária e, consequentemente, a melhoria da qualidade da alimentação da sociedade. O projeto de extensão Cozinhando com Ciência UFSC foi criado em 2020 a partir do Instagram, e a partir do ano seguinte, em 2021, surgiu a Escola Cozinhando com Ciência, que conta com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária (Fapeu).


“A Fapeu tem uma participação muito importante em apoiar a execução do projeto, fornecendo soluções para as inscrições nos cursos e gerenciando os recursos obtidos”, ressalta a professora Ana Paula Gines Geraldo, coordenadora do Cozinhando com Ciência e coordenadora e diretora científica da Escola Cozinhando com Ciência UFSC.

O projeto Cozinhando com Ciência UFSC foi criado em agosto de 2020 com o objetivo principal de compartilhar conteúdos de culinária saudável. Os conteúdos são disponibilizados no Instagram, onde podem ser acessados em @cozinhandocomcienciaufsc. “Durante a execução das atividades do projeto, observamos a oportunidade da criação de uma Escola, vinculada à ideia inicial, para capacitar e instrumentalizar a sociedade na área da técnica dietética”, lembra a coordenadora.

A escola é aberta a nutricionistas e ao público em geral interessado em aprender técnicas de preparo de alimentos que tenham impacto positivo sobre a saúde. “O objetivo da Escola Cozinhando com Ciência é planejar e executar cursos, mentorias e eventos na área de técnica dietética e de habilidades culinárias”, detalha a professora Ana Paula Geraldo.

Pesquisas

A Pesquisa de Despesas do Consumidor Brasileiro, realizada nos anos de 2017 e 2018, revelou que o consumo de alimentos ultraprocessados aumentou em relação aos alimentos in natura, aos minimamente processados ou de ingredientes culinários - embora a taxa de aumento tenha sido inferior à observada em inquéritos anteriores.

Já o Guia Alimentar para a População Brasileira, de 2014, apontou que no Brasil e em muitos outros países as pessoas mais jovens possuem cada vez menos confiança e autonomia para preparar alimentos. As razões para esse comportamento incluiriam a desvalorização do ato de preparar, combinar e cozinhar alimentos como prática cultural e social, a multiplicação das tarefas cotidianas e a publicidade agressiva das marcas de alimentos ultraprocessados.

“Diante disso, a oferta de cursos, mentorias e eventos oferecidos pela Escola Cozinhando com Ciência permite que nutricionistas e a comunidade em geral obtenham informações sobre o preparo e consumo de alimentos e, desta forma, se beneficiem desses conhecimentos para terem uma alimentação mais saudável”, observa a professora Ana Paula.

Cursos


Dois cursos foram desenvolvidos até o momento de forma remota, por meio da plataforma Zoom, ambos tiveram certificação emitida pela UFSC e envolveram cerca de 40 pessoas. “A Escola Cozinhando com Ciência surgiu em meio à pandemia de covid-19, e a forma como os cursos foram ministrados, utilizando recursos de plataformas on-line, possibilitaram a disseminação de conhecimento, mesmo com a necessidade do isolamento social”, lembra a professora, responsável por ministrar as duas capacitações.

O primeiro foi sobre “Métodos de cocção no preparo de alimentos: aspectos culinários, nutricionais e de saúde” e foi realizado em fevereiro de 2022, com carga horária de seis horas. Entre os tópicos abordados estavam conceitos e técnicas dos diferentes métodos de cocção aplicados aos diferentes grupos alimentares, materiais e tipos de panelas e utensílios utilizados para o preparo de alimentos e se air fryer e micro-ondas são métodos de cocção seguros.


O segundo curso foi um masterclass sobre edulcorantes, os conhecidos adoçantes. Promovido em 17 de maio de 2022, quando a universidade ainda não havia retornado às atividades presenciais, o masterclass abordou aspectos culinários, nutricionais e de saúde dos adoçantes.

“A participação da comunidade possibilitou que os alunos e alunas adquirissem conhecimentos sobre preparo de alimentos e alimentação saudável, com a possibilidade de repercussão positiva à saúde dos participantes e das pessoas a seu redor”, lembra a professora. E é só o começo, porque a previsão é de que o projeto continue pelo menos até o final de 2026.

PROJETO: ESCOLA COZINHANDO COM CIÊNCIA UFSC / COORDENADORA: Ana Paula Gines Geraldo / ana.paula.geraldo@ufsc.br / UFSC / Departamento de Nutrição / CCS / 3 participantes

* Esta reportagem integra a edição 14 da Revista da Fapeu que está disponível em http://tinyurl.com/RevistaDaFapeu2023

 

Últimas Notícias
Veja mais notícias da categoria >>
Veja outras notícias >>

Endereço: Rua Delfino Conti, s/nº , Campus Universitário Reitor João David Ferreira Lima, Bairro Trindade
Florianópolis/SC - CEP 88040-370 - Tel: (48)3331-7400. contato@fapeu.org.br
Correspondências e encomendas, entregues pelos Correios, enviar para a Caixa Postal 5078 - CEP 88035-972.
CNPJ: 83.476.911/0001-17 - Inscrição Estadual: ISENTO - Inscrição Municipal: 61.274-0
Horário de Funcionamento: Segunda a Sexta-feira das 8h às 12h e das 13h às 17h
Copyright© FAPEU - Todos os Direitos Reservados

. .